Condenado pela Chacina de Unaí é preso em Sergipe

UM homem condenado pela chacina de Unaí (MG), crime ocorrido em 2004, foi preso no município sergipano de Estância por uma força integrada de combate ao crime organizado composta por policiais federais, rodoviários federais e militares. Com 43 aos de idade, o foragido da Justiça também tinha um mandado de prisão preventiva em aberto contra ele por crime de roubo majorado, ocorrido em Minas Gerais, no ano de 2020.

O foragido localizado e preso, nessa terça-feira (28), em Sergipe respondeu em Minas Gerais pelos crimes de homicídio qualificado. Em 28 de janeiro de 2004, três auditores fiscais e um motorista do Ministério do Trabalho foram executados durante uma fiscalização rural. A chacina ocorreu na zona rural de Unaí, enquanto as vítimas apuravam denúncias de trabalho análogo à escravidão. Foram mortos os fiscais do trabalho Erastóstenes de Almeida Gonçalves, João Batista Soares e Nelson José da Silva, além do motorista Ailton Pereira de Oliveira.

Os fazendeiros Antério e Norberto Mânica foram acusados de serem os mandantes dos assassinatos. A pena para eles chegou a mais de 50 anos de prisão por quádruplo homicídio, triplamente qualificado por motivo torpe, mediante pagamento de recompensa em dinheiro e sem possibilidade de defesa das vítimas.

Com informações e foto da PRF/SE

Fonte da matéria

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais populares

Categorias

Redes Sociais

Clima de Unaí
Unaí, BR
11:16, 24/06/2024
temperature icon 28°C
céu limpo