Condenado por assassinatos na ‘Chacina de Unaí’ é preso no Sul sergipano

Rogério Alan Rocha Rios, de 43 anos, condenado por executar três auditores fiscais e um motorista do Ministério do Trabalho, durante uma fiscalização rural, na cidade de Unaí (MG), em 2004, foi preso em Estância, no Sul sergipano nessa terça-feira (28). O caso ficou conhecido nacionalmente como ‘Chacina de Unaí’.

Pelos assassinatos em Unaí, o foragido foi condenado a 94 anos de prisão e estava em regime aberto. Entretanto, contra ele também tinha um mandado de prisão preventiva em aberto contra o crime de roubo majorado, no ano de 2020, também em Minas Gerais.

A prisão foi realizada pela Ficco, composta por integrantes das polícias Federal, Civil, Militar, Penal, Rodoviária Federal e a Secretaria Nacional de Políticas Penais.

Chacina de Unaí

A chacina ocorreu no dia 28 de janeiro de 2004, na zona rural de Unaí, na Região Noroeste de Minas Gerais, enquanto as vítimas apuravam denúncias de trabalho análogo à escravidão. As vítimas foram: os fiscais do trabalho Erastóstenes de Almeida Gonçalves, João Batista Soares e Nelson José da Silva, além do motorista Ailton Pereira de Oliveira.

Os fazendeiros Antério e Norberto Mânica foram acusados de serem os mandantes dos assassinatos. A pena para eles chegou a mais de 50 anos de prisão por quádruplo homicídio, triplamente qualificado por motivo torpe, mediante pagamento de recompensa em dinheiro e sem possibilidade de defesa das vítimas.

Fonte da matéria

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais populares

Categorias

Redes Sociais

Clima de Unaí
Unaí, BR
09:07, 24/06/2024
temperature icon 23°C
algumas nuvens